Arquivos de tags: Chute no saco

Preguiça, chute no saco e cidadania

Esses dias eu tenho estudado fortemente a disciplina de Legislação e Ética Profissional. Li aqueles livros bonitinhos da Coleção Primeiros Passos: O que é Ética e O que é Cidadania.

Claro que a sensação foi de uma viagem histórica pela filosofia e pela história do capitalismo e ascenção da burguesia, Kant, Karl Marx e mais um monte de coisas legais que só quem estava lá na aula de história se lembra bem.

O que chama a atenção em uma disciplina como essa é que você acaba por lembrar, forçosamente, que está naquela situação extremamente confortável de levar a sua vida numa boa sem se importar muito com mais nada que não seja você e seu mundinho particular. O estudo de ética e cidadania quer te tirar dessa zona de conforto (ui, que clichê) e te fazer mexer esse traseiro gordo e esse peito tetudo em direção de fazer alguma coisa pela sociedade.

Se você se sente convocado pelas injustiças que acontecem todos os dias, meus parabéns. Esse post NÃO é para você.

@alfinete MEU HERÓI

Se você está achando esse meu papo um tremendo chute no saco e não tá nem aí para NADA que eu eventualmente falar dentro dessa temática, PLEASE WAIT. Esse post é para você, com todo o fogo do inferno. E sem nenhum compromisso moral.

Não há nenhum mérito em se fazer o que é certo porque a lei te pune quando você faz o errado. Fazer o que é certo simplesmente porque é o certo a se fazer é ser ético. Daí o meu Brasil Brasileiro meu mulato izoneiro apenas samba que dá, porque sambar não é contra a lei. E quando vem o Criança Esperança e a AACD pedir dinheiro, faz a doação mínima (quando faz) só para se sentir alguém de vez em quando. Porque fazer algo com as próprias mãos dá uma preguiça DANADA e a zona de conforto tá tão boa…

E já que o Brasil é terra de nosso Senhor, e dizem por aí que o tal Senhor dá comida aos passarinhos DE GRAÇA, pra que se preocupar com os mendigos e outras pessoas que vivem abaixo da linha da pobreza, hein? Só mandar eles irem lá comerem a ração divina de passarinho e ZÁS, flawless victory da zona de conforto (e da filhadaputagem) que tem até SOFÁ CHESTERFIELD!

TÁ BOM, CLAUDIA, SENTA AÍ

E essa tal de eleição, hein? Ninguém presta mesmo, vou votar em quem estiver ganhando e tá bom demais, vão tudo roubar meu dinheiro mesmo. Ou talvez eu escolha o “menos ruim”, mas aí o conceito de RUIM anda meio bambo esses dias, não acham? Até humorista parou de fazer piada de político, NÉ TSE?

Agora vai lá, CLAUDIA, coçar onde você tava coçando. Enjoei de papear contigo.

%d blogueiros gostam disto: